Nós e o Próximo (Massillon)

PURPURINAR - Projeto sem fins lucrativos que oferece áudios e palestras a pessoas com deficiência.

Ser um voluntário é mais fácil do que você imagina. Descubra a purpurina que há em você, ilumine-se apoiando quem não pode ler.

O projeto Purpurinar é uma iniciativa sem fins lucrativos que visa difundir o conhecimento literário a pessoas com deficiência a partir de arquivos de áudios gravados por voluntários ou "ledores virtuais", disponibilizados online. 

Quer participar? 

Você pode fazer isso agora mesmo, no conforto de sua casa, no seu computador ou no celular. Siga o roteiro que criamos para você:

1. Escolha um texto que você gosta de ler. A sugestão é que o primeiro texto seja curto, como uma crônica, um poema;

2. Antes de gravar, leia o texto em voz alta, do início ao fim, destacando com um lápis as pontuações e os momentos que deseja dar ênfase;

Voluntários fazem a diferença no tratamento de crianças com câncer (por Mariana Sadeck)

Um hospital fora dos padrões: colorido, amplo e bonito. Assim é o Hospital da Criança José de Alencar (HCB), especializado no tratamento de câncer em crianças. Mas o maior diferencial da instituição não está na arquitetura. Graças a uma parceria com a Associação Brasileira de Assistência às famílias de Crianças Portadoras de Câncer e Homeopatias (Abrace), 111 voluntários somam-se aos profissionais da saúde para ajudar as crianças. 

A psicóloga Ana Cristina Santiago, coordenadora de voluntariado do HCB, ressalta a importância dos voluntários para as crianças e as famílias: “As crianças respondem melhor ao tratamento, é muito importante tirar elas da cama para brincar, devolver a alegria”. Ela também observa a importância de ter pessoas com habilidades diferentes ajudando. Indivíduos sem vivência em hospital, “com energia nova”. 

Bombeiros de Deus (Emmanuel)

Necessidade de Paz

Cada mensagem psicografada é antecedida pelas explicações do médium sobre a reunião em que ela foi obtida e os motivos que a determinaram.

Achávamo-nos em Pedro Leopoldo, no Centro Espírita Luiz Gonzaga, aguardando a reunião pública de estudos da nossa consoladora Doutrina.

Falávamos de paz, da necessidade da paz no atual momento em nossos caminhos na Terra. Considerávamos a vigilância que nos cabe observar nas atitudes e ocorrências do dia-a-dia.

Convidados aos trabalhos, O Evangelho Segundo o Espiritismo nos deu a exame o item 9 do seu capítulo IX, intitulado “A Cólera”, e vários confrades fizeram valiosas apreciações do conjunto.

Ao término da reunião, foi Emmanuel o mensageiro da página psicografada Bombeiros de Deus, abaixo:

BOMBEIROS DE DEUS

Temos diversas formas de auxiliar: